Especial: Os cartéis de drogas mexicanos como você NUNCA viu



Especial: Os cartéis de drogas mexicanos como você NUNCA viu

Inscreva-se na TV Coiote e continue informado!

Cartéis citados no vídeo:
1-Sinaloa (9:02)
2-Milícias armadas (11:48)
3-Cartel do Golfo (17:17)
4-Los Zetas (18:13)
5-Carte de Juaréz (21:12)
6-Tijuana (22:05)
7-Jalisco Nova Geração (22:49)

Confira outros especiais sobre facções criminosas:
https://goo.gl/2mHXOk

Siga a TV Coiote nas redes sociais:
Site: http://www.tvcoiote.com/
Facebook: https://www.facebook.com/tvcoiote
Twitter: https://twitter.com/tvcoiote
Instagram: https://www.instagram.com/tvcoiote

Anuncie na TV Coiote: 
http://www.tvcoiote.com/p/anuncie.html

Os cartéis de drogas mexicanos que funcionam como multinacionais

Engana-se quem pensa que os cartéis de drogas mexicanos são grupos homogêneos, nos quais seus integrantes obedecem às ordens de um grande chefe, operando todos de uma mesma maneira.
A realidade é outra.
A estrutura da maioria das organizações é muito semelhante à da operação de grandes consórcios financeiros, segundo especialistas.
Alguns cartéis produzem e exportam suas próprias drogas. Outros são basicamente intermediários e, em alguns casos, sua renda principal não depende do tráfico de drogas.

Há organizações como o Los Zetas e o Cartel do Golfo que são, na verdade, a união de dezenas e, às vezes, centenas de pequenos grupos.
Cada um opera como se fosse uma franquia de uma marca registrada e pode, até mesmo em algum momento, trabalhar para outro cartel.
A Família Michoacana, quando existia, costumava cobrar um aluguel para o uso de seu nome. Aqueles que não pagavam e o usavam sem permissão foram mortos.
Divisão de tarefas
Mas, em geral, quase todos eles usam a mesma estrutura, com três áreas de atuação:
Uma responsável por comprar, produzir, armazenar e cuidar dos bens, que podem ser maconha, cocaína e drogas sintéticas.
Outra incumbida pelas relações jurídicas e políticas - esta divisão dedica-se à defesa dos membros do cartel em tribunais e também se encarrega de comprar a cooperação de policiais e autoridades locais, na maioria dos casos.

á a terceira é financeira, responsável por reinvestir lucros e lavar dinheiro, além de fazer o pagamento de funcionários.

No entanto, apesar das semelhanças nos principais cartéis no México, há diferenças significativas em sua operação, ressaltam especialistas e autoridades.
No final, todos estão envolvidos em um negócio que, de acordo com a Agência Antidrogas dos Estados Unidos (DEA, na sigla em inglês), gera um lucro de US$ 30 bilhões (R$ 93 bilhões) por ano.
Sinaloa, o mais experiente
O Cartel de Sinaloa, também conhecido como do Pacífico, é a organização de narcotráfico mais antiga do México.
Ele nasceu na região montanhosa entre os Estados de Sinaloa, Durango e Chihuahua, conhecida como Triângulo Dourado.
É uma das regiões com maior produção de papoula e maconha no país, cultivadas, muitas vezes, por agricultores com grau de parentesco entre si.

Confira mais no vídeo! http://www.tvcoiote.com/ - Notícias de política, criminalidade e segurança, curiosidades e muito mais!